Integrante de quadrilha que clonava cartões é preso em Brasília de Minas

11/03/2016

A polícia civil desarticulou uma quadrilha de estelionatários que atuava em vários estados do Brasil, com ramificações em Minas Gerais. As investigações feitas na delegacia de Brasília de Minas foram importantes para chegar aos suspeitos.

 

Os policiais prenderam, em flagrante, o engenheiro, Patrick Froes de 27 anos, natural de Montes Claros, enquanto ele tentava retirar, na agência dos correios da cidade, aparelhos odontológicos comprados com cartões clonados. O suspeito usava identidade falsa.

 

Segundo a polícia, os aparelhos seriam repassados para estudantes de odontologia por 50% do valor de mercado. Um estudante de medicina também estaria envolvido no esquema criminoso e mediava as negociações dos produtos adquiridos de forma ilícita.

 

As investigações apontam ainda que existem pessoas envolvidas também dentro de algumas instituições bancárias. Essas pessoas estariam colhendo dados dos clientes para efetuar a clonagem dos cartões no estado de São Paulo.

 

De acordo com a polícia, mais de 300 golpes foram aplicados e o prejuízo para as vítimas que tiveram seus cartões clonados é de mais de um milhão de reais.

Please reload

© 2020 Aconteceonline.net - Todos os direitos reservados - Brasília de Minas-MG