top of page

Brasília de Minas adere ao consórcio municipal para compras de vacinas contra a Covid-19

Por Fernando Almeida / Jornal Acontece

Brasília de Minas aderiu ao Consórcio Municipal por mais vacinas contra a Covid-19 no Brasil, coordenado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP). O movimento obteve um total de 1.703 prefeituras inscritas. O prazo para adesão terminou às 12h desta sexta-feira (5). O número de municípios equivale a mais de 125 milhões de brasileiros, 60% da população.


Nesta quinta-feira (4), durante reunião com os vereadores na câmara municipal, o secretário Municipal de Saúde, Sandro Alex Pereira, já havia confirmado que o município tinha feito o cadastro um pouco antes daquela reunião. Até a noite de ontem o nome de Brasília de Minas ainda não constava na lista, mas a após a atualização do site da FNP nesta sexta-feira, a cidade já aparece entre os municípios inscritos.

Segundo o secretário de saúde, esse processo é uma manifestação de interesse pela compra da vacina, mas ele alertou que há uma complexidade neste momento para a aquisição de doses pelas prefeituras, uma vez que o produto ainda é muito escasso no mercado e que os fabricantes que podem comercializar o imunizante no Brasil têm compromissos para ser honrados primeiro com o Governo Federal.


Em entrevista à EPTV, o presidente da Frente Nacional de Prefeitos, Jonas Donizette, reiterou o propósito da iniciativa.

"Nós vamos continuar trabalhando, pressionando para que o governo federal cumpra sua parte, e vamos atrás também das vacinas de todas as marcas possíveis. O importante é imunizar a população porque aí acontecem duas coisas muito boas. Primeiro, a preservação da vida, e segundo, a retomada da economia. Parar com abre e fecha, que traz tantos problemas pra população", falou Donizette, que é ex-prefeito de Campinas (SP).






387 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Snapshot_45.png
bottom of page