Por causa da crise vendas de Natal têm maior queda em 11 anos


O ritmo de consumo neste Natal, a principal data do ano, ficou abaixo do esperado. O crédito restrito, a confiança em baixa, os juros em alta e o dólar mais caro fizeram a época ter o pior desempenho em 11 anos.


O alto endividamento das famílias provocou ainda uma desaceleração do comércio, fazendo com que o setor feche o ano com o menor crescimento em uma década. De acordo com a Serasa Experian, as vendas do varejo no país subiram 2,7% no período entre 18 a 24 de dezembro, o menor percentual desde 2003. A média anual de crescimento no período foi de 7,55%.


Nos shoppings, as vendas tiveram um aumento de 5%, o menor ritmo dos últimos cinco anos. Neste Natal, o gasto individual do brasileiro nos shoppings caiu 10% em relação ao ano anterior. O ticket médio ficou entre R$ 35 e R$ 55 nos empreendimentos populares, e nos de classe média e alta, entre R$ 75 e R$ 125 reais.

2 visualizações0 comentário
VIVO.jpg
AMAZON.jpg
LENOVO.png
POSITIVO.jpg
AMERICANAS.jpg
MOTOROLA (1).webp

© 2020 Aconteceonline.net - Todos os direitos reservados - Brasília de Minas-MG